segunda-feira, março 22, 2010

Semana da Leitura - História de Vida

Já é a segunda vez que a avó da Carolina e da Margarida, a D. Teresa, esteve na nossa sala. É sempre um enorme prazer ouvir esta senhora.

A avó Teresa não nos contou uma história que está escrita num livro. Ela contou-nos alguns episódios da sua vida e nós ficámos maravilhados a ouvi-la.

Esta senhora tem uma enorme paciência para nós!

Com esta sábia senhora, todos aprendemos imensas coisas sobre como era a vida antigamente. Acreditem que era bem mais complicada que a nossa!

Esperamos que a avó das gémeas continue a visitar-nos e a contar-nos belas histórias sobre a sua vida.

Obrigada!

Semana da leitura- A menina do Mar

A mãe da nossa colega Luciana, a Dona Dulce, veio à nossa sala para nos contar uma história muito bonita: A Menina do Mar.

Esta história foi escrita pela Sophia de Mello Breyner Andresen.

Esta história é muito grande, por isso a mãe da Luciana não acabou de a ler, mas isso " abriu-nos o apetite" e alguns meninos da nossa turma andam a lê-la nos intervalos.

Agradecemos à mãe da Luciana por nos ter apresentado uma história tão bela.


A nossa querida e doce Manuela

A nossa amiga Manuela foi viver para Inglaterra.

A nossa turma preparou uma festa de despedida e elaborámos alguns desenhos, para que ela não se esquecesse de nós.

Nós nunca nos vamos esquecer da nossa querida e simpática Manuela.


Esperamos que vejas estes slides, para veres que estás no nosso coração.

Beijos!

quinta-feira, março 18, 2010

Semana da Leitura

Viva!!! Que bela semana! Como forma de abertura, ouvimos a história "O meu livro". Para dar continuidade à leitura de histórias, fomos presenteados com a vinda de alguns familiares nossos à nossa sala, pelo que, foi motivo de alegria. E sabem porquê? Porque não é todos os dias que recebemos estas surpresas. Pois é, a primeira surpresa foi a vinda da tia do João Pedro, que veio contar-nos uma história fantástica, que se intitula "O Nabo Gigante", cheia de momentos hilariantes. A segunda surpresa, pela mãe da Filipa que nos trouxe a história "Gui" uma grande lição pelo sorriso do planeta. A terceira e não menos importante, foi a vinda da mãe da Sónia com a história "O lobo e os sete cabritinhos". Estas histórias foram depois trabalhadas por todos nós nas diferentes áreas, derivado ao variadíssimo leque de valores que encerram. Obrigado! Deixamos no vídeo que se segue, alguns desses momentos...

video

sábado, março 13, 2010

Semana da Leitura

Esta Foi uma Semana muito concorrida e muitos pais vieram à escola ler algumas histórias. Na nossa sala recebemos a visita da mãe da Carina que nos leu 2 histórias: "A Adivinha do Rei" e "A Sopa da Pedra". Todos gostámos muito!! Obrigada pela visita!!

Semana da Leitura

"O Sapo Apaixonado" de Max Velthuijs

“O Sapo Apaixonado” é um livro que consta no Plano Nacional de Leitura e que é aconselhado a ser trabalhado no 2º ano de escolaridade. Fala de um Sapo verde que se apaixona por uma Pata Branca e que não tem coragem de assumir os seus sentimentos. Alguns dos seus amigos achavam estranhíssimo que um sapo verde se apaixonasse por uma pata de outra cor. É um livro maravilhoso que aborda questões como o respeito pela diferença, a discriminação, o respeito pelo sentimento dos outros e a importância de falar sobre os mesmos. Assinala também a importância da amizade e principalmente de que “o Amor não tem barreiras”.
Ao longo destas duas semanas explorámos o livro de diferentes formas. Em primeiro lugar os alunos, após visualizarem a capa do livro escreveram a forma como imaginaram que seria a história. Eis alguns exemplos:

“O Sapo bem- disposto”

Um dia na floresta havia um sapo verde muito bem- disposto e com muitos amigos. Um desses amigos era uma fada também muito bem- disposta e que o transformou num príncipe. Mais tarde ele conheceu uma princesa muito brincalhona e logo se apaixonou por ela. E foram felizes para sempre.

João

“O Sapo Doente”

Era uma vez um sapo que estava doente e foi a um sábio. Ele disse:
- Não sei o que tens, será amor?
- Não meu caro sábio, claro que não, acho eu…- respondeu o sapo. E foi arrumar a casa. Depois lembrou-se de ir à casa do porco-espinho. Tocou à campainha mas ele não ouvia porque estava a tomar banho. Ficou especado a tarde inteira à porta e só à noite é que o porco-espinho lhe abriu a porta.
- O que estás aqui a fazer? – perguntou o porco-espinho.
- O sábio disse que estou apaixonado, se calhar sim, é por causa da rã…
- Porque é que não lhe dizes isso? – perguntou outra vez o porco-espinho.
- Boa ideia – respondeu o sapo. E lá foi ele ter com a rã, declarou-se e foram felizes para sempre.

Carolina

Beatriz

"O Sapo e a rã"

Era uma vez, um sapo apaixonado por uma rã. Ela era tão bela, mas ele não tinha coragem para se declarar.
Um dia convidaram-no para um baile. Ele foi lá e quando chegou encontrou a rã nesse mesmo baile.
Ele foi ao pé dela, declarou-se e viveram felizes para sempre.

Lérica

Após esta actividade foi lida a história aos alunos. Trabalhou-se os vários elementos da história (personagens, localização, trama, antónimos, sinónimos, características dos animais, valores...) e os alunos fizeram umas lindas pinturas em aguarelas como aquela que o Sapo fez para oferecer à Pata...

Foi uma actividade em que todos aprendemos muito uns com os outros.


quarta-feira, março 10, 2010

Dias de Outono

Há muito, muito tempo,:) nos dias em que as folhas caíam insistentemente sem pedir licença, estávamos nós pequeninos/Fantásticos a tratar das vindimas alheias, dentro da nossa sala de aula. Até então, não conhecíamos todo o processo desde a colheita da uva até à fase final, o vinho na mesa. Assim, gostaríamos de o partilhar convosco.
Não menos entusiasta foi o Dia de São Martinho. Fizemos trabalhos de expressão plástica, como a castanha outonal e o belo cartucho para as saltitantes (castanhas). Fizemos uma lagarta com caruma, que serviu para as professoras assarem as castanhas. Finalmente, deliciámo-nos. Ora vejam:

video

terça-feira, março 09, 2010

8 Março- Dia Internacional da Mulher

Hoje comemoramos o Dia Internacional da Mulher no nosso Jardim-de-Infância!


Mas... o que é ser mulher??! Isso foi o que descobrimos com os nossos traquinas...


Ser mulher é ser bonita e vaidosa.


Ser mulher é tratar dos bebés que estão na barriga.


Ser mulher é ser bem cheirosa


As mulheres são trabalhadoras


A mulher é mãe


A mulher é amiga


...





Para assinalar esta data os traquinas construiram nas salas lindas flores que ofereceram às mulheres que os foram buscar nesse dia ao Jardim-de-Infância.






Feliz Dia da Mulher para todas as mulheres!!!





Beijinhos dos traquinas

Semana da Leitura

Pais
entre o dia 1 e 15 de Março vamos com os nossos Traquinas viver as semanas da leitura.
O que é mágico, o imaginário, a criatividade e o mundo encantado a que os livros nos fazem viajar vai ser uma realidade nas salas do nosso Jardim de Infância...
Cada grupo de Traquinas escolheu uma história para explorar... E os resultados estão à vista... dramatizações, construções de livros, pinturas, descobertas de novas palavras...
Mas a Semana da Leitura n~so ficou por aqui... Vamos trazer surpresas para breve!!! Fique atentos.


Beijinhos dos Traquinas



sábado, março 06, 2010

Despedida do Jorge e da Manuela!

Olá a todos, esta semana o nosso colega Jorginho foi viver para Inglaterra... Fomos todos apanhados de surpresa mas ainda tivémos tempo para nos despedir dele. Também os colegas da Manuela (irmã do Jorge) fizeram o mesmo na sua sala. Assim sendo, todos fizémos uma lembrança para que o Jorge não se esqueça de nós, e ele retribuiu fazendo um lindo desenho que temos na nossa sala. Um bolo, um sumo e um pouco de música fez com que até os mais tristonhos animassem...

Que tudo corra bem ao Jorge e à Manuela é o que lhes desejamos...

terça-feira, março 02, 2010

Histórias ao contrário

Esta semana, a nossa turma escreveu uns textos muito engraçados. Os textos aqui apresentados falam-nos de três porquinhos maus e de um lobo muito bonzinho.

Os três porquinhos maus

Era uma vez três porquinhos muito maus. Um dia, os três porquinhos maus tiveram uma ideia, que era matar o lobo simpático quando o encontrassem. Mas os porquinhos precisavam de ajuda para apanhar o lobo. Os três porquinhos encontraram um tigre. - Então, são vocês que precisam de ajuda? - perguntou o tigre. - Sim, somos nós! Os quatro malvados conseguiram destruir a casa do lobo simpático e os porquinhos tentaram matá-lo. No entanto, eles não conseguiram, pois o lobo conseguiu fugir e construir outra casa. Os porquinhos e o tigre foram, novamente, à procura do lobo, destruíram a nova casa e comeram o lobo. No dia seguinte, os três porquinhos já não tinham de se chatear, porque o lobo já estava morto. Vitória, vitória acabou-se a história.

Evandro









Os três porquinhos maus


Era uma vez três porquinhos que queriam derrubar a casa do lobo.
Como o lobo não era muito esperto, ele fez uma casa de cortiça.
Os porquinhos inventaram um líquido e deram-no ao lobo.
O lobo bebeu o líquido e ficou mau.
- Somos os maiores! - disseram os porquinhos.
De seguida, os porcos mandaram o lobo ir para o caldeirão e fizeram uma sopa de lobo.
Depois de comerem a sopa, os porquinhos foram para a discoteca e quando chegaram a casa fizeram sopa de coelhos e de toupeiras.
No dia seguinte, os três porquinhos ficaram tristes porque tinham poucos animais para devorar.


Rúben








Os três porquinhos maus

Era uma vez três porquinhos maus que queriam comer o lobo simpático.
Um dia, à noite, os porquinhos foram à discoteca e elaboraram um plano para comerem o lobo. à meia-noite, eles chegaram a uma conclusão: que deviam construir uma casa para cada um.

Os porquinhos começaram a trabalhar, a trabalhar e a trabalhar... até que conseguiram construir três casas.
Certo dia, o lobo andava a passear na rua, mas começou a levantar-se vento e ele foi para casa.
Nesse dia, os três porquinhos puseram fogo à casa do lobo e ele saiu logo de casa. Os três porquinhos apanharam-no, mataram-no e assaram-no.
Depois de comerem o lobo, os três porquinhos fizeram uma festa e partiram as suas casas.

Iara

O Dia dos Namorados

Finalmente, chegou o tão desejado Dia de São Valentim, mais conhecido como Dia dos Namorados. Aproveitámos esta ocasião para manifestarmos o mais nobre dos sentimentos, o "AMOR". E como este dia é muito especial, escrevemos pequenas mensagens, revelando os nossos afectos. Cada um de nós fez um marcador de livro para oferta a uma das pessoas especiais na nossa vida, como os amigos, os pais... Também ficámos a conhecer a história de São Valentim. Recortámos pequenos corações e colámos no cartaz exposto. Todos nós estamos representados nele. Contrariamente àquilo que alguns pensam, não somos pobres... pois a riqueza está dentro dos nossos corações!
"A falta de Amor é a maior de todas as pobrezas." Madre Teresa de Calcutá